domingo, 26 de junho de 2016

Que eu seja...



Inteligente o suficiente para entender que, 
cada um oferece o que tem, 
que nem todo mundo me quer bem, 
que nem todo abraço é abrigo, 
e que nem todo mundo é meu amigo.
Tati Zanella